13 de junho de 2011

Há mesmo gente assim


Gente que se aproveita de tudo e todos. Gente que se faz passar por coisas que não são, que sabem disfarçar, que enganam completamente.
E nós, enganados, cegos, convencidos de que é amizade, damos tudo e mais alguma coisa, e para quê? Para no fim nos virarem a cara e seguirem para o raio que os parta! Como se nada fosse…
E depois, num dia muito belo, lembram-se e perguntam pela nossa disponibilidade, pedem-nos ajuda. Sem peso na consciência, sem vergonha na cara…
E nós? Ficamos parvos…
É o que se diz: Uns morrem, outros viram cabras e cabrões…

Sem comentários:

Enviar um comentário