19 de dezembro de 2011

Já vos aconteceu perceberem o quão irritante é uma pessoa que a partir de certo momento, cada gesto que ela faça, cada palavra que ela profira, cada riso, espirro, qualquer coisa que seja mesmo, vos tira do sério?
Isso aconteceu-me há um mês para cá, mais ou menos, e não é muito... agradável lidar com a situação, visto que só me apetece explodir na cara da pessoa em causa. E sei bem que não sou a única.
É estúpido as pessoas mentirem sobre coisas que não têm nada a ver, fingirem serem e terem coisas que não são nem têm, não serem elas próprias, meterem o bedelho em TUDO.
Basta.
Falsidade é coisa feia, sim?
Menos, gente, menos...

1 comentário: